top of page
Buscar
  • brunosouza95

Como o milho e a soja transgênicos da China podem afetar o mercado brasileiro

Recentemente a China aprovou 37 variedades de sementes de milho geneticamente modificadas e 14 variedades de soja transgênica, essa ação fez o país ficar mais próximo do plantio comercial desses grãos transgênicos. A China é o principal importador de milho do Brasil, e um dos principais compradores de soja.


Nesse post você vai ver


  • Como está o plantio de milho e soja transgênicos na China

  • Como o milho e soja transgênicos da China afetam o Brasil?


Como está o plantio de milho e soja transgênicos na China


As variedades aprovadas pelo Ministério da Agricultura e Assuntos Rurais incluem o milho de propriedade de empresas como a Yuan Longping High-tech Agriculture Co, Syngenta e Dabeinong.


A China tem uma abordagem cautelosa em relação à tecnologia há muito tempo. No entanto, o país tem se movimentado constantemente para abrir o mercado nos últimos anos. Desde 2019, a China aprovou a segurança de 14 resoluções referentes ao milho transgênico, desde 2019 e vários de soja.


ALém disso, foram feitos testes em larga escala de soja e milho transgênicos em 20 condados em cinco províncias este ano, os quais, segundo o Ministério da Agricultura, apresentaram resultados brilhantes.


Contudo não existe nenhuma confirmação de que haverá a comercialização de milho e soja transgênico já em 2024, mas de acordo com o cenário atual, é uma realidade que deverá ser enfrentanda em um futuro próximo.


Como o milho e soja transgênicos da China afetam o Brasil?


A China é o maior comprador de soja e milho do mundo, o país importa mais de 100 milhões de toneladas métricas de grãos por ano para alimentar o seu rebanho de gado.


O Brasil é um dos principais fornecedores para alimentar este mercado chinês. Por isso, o processo de milho e soja transgênicos da China afetam o Brasil.


A expectativa é que em 5 anos, a China comece a produzir os próprios grãos de milho e soja para o consumo. Até lá o Brasil deve se preparar para enfrentar esta nova realidade do mercado.


Quer ficar sempre atento ao cenário atual para receber notícias como esta? Clique agora no botão abaixo e faça parte da nossa comunidade do Royal Rural!



2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page